Dexter end

Esse post contém spoilers. :)

 

Eu ia escrever um post sobre e quinta temporada do Dexter que praticamente não aconteceu, mas o pessoal lá do Dexter Lords disse exatamente o que eu gostaria de dizer:

Recaps – Dexter 5×12: “The Big One” (Season Finale)

Por Mano – Caldeirão de Series
Quem esperava por um final de temporada com desfechos mais eletrizantes e de cair o queixo como o da temporada anterior, teve que se contentar com um final mais, digamos, tranquilo. A temporada chegou ao fim de uma forma que lembrou bastante o final da terceira temporada, com cerimônia na praia e reunião de todo o elenco, mas desta vez ao invés de um casamento tivemos o aniversário de um ano do pequeno Harrison.
Tivemos mais uma prova de que promo só serve pra pregar peça e elevar as expectativas dos telespectadores… Quem viu o promo deste episódio na semana passada foi levado a crer que a Debra ia pegar o Dexter com a “mão na massa” e, assim, desmascará-lo. Mas embora ela tenha ficado frente a frente com o casal de assassinos (Lumen e Dexter), havia uma cortina de plástico entre eles que serviu como um “banho de água fria” para os mais esperançosos por um grande momento “WTF”.
Todo aquele papo envolvendo pessoas que não merecem estar vivas e vigilantes justiceiros, que mais pareciam uma preparação para que a Debra descobrisse a verdade sobre o irmão, serviram para que ela entendesse que o trabalho da polícia é complicado e nem sempre sai como a cartilha. Debra, a detetive sempre correta, que preza a lei e etc, resolve deixar os assassinos de Jordan Chase escaparem. Foi um grande passo (e “ótimo” pretexto pra prorrogar a grande revelação sobre Dexter, se é que um dia isso irá acontecer), mas que fez sentido pra personagem e proporcionou cenas pra lá de tensas!
O desfecho de Jordan Chase foi o esperado: a morte. A dúvida era o que seria feito com a Lumen. Será que iam deixá-la morrer ou ela sobreviveria para viver ao lado do Dexter? Nenhuma das duas opções. Ela sobreviveu, mas no dia seguinte partiu! Hein?! Usou e abusou do Dexter e depois veio com papo de “essa vida não é pra mim?” Foi um “WTF” totalmente diferente do que eu esperava, com sabor de indignação e não surpresa. Foi estranho, parecia que só queria tirar a Julia Stiles da série, mas não queriam terminar outro relacionamento do Dexter com um banho de sangue. Coitado, tava tão animado achando que havia encontrado a pessoa certa para acompanhá-lo em sua difícil jornada…
A grande mensagem do final foi que o Dexter pode superar a perda da Rita através da Lumen, ajudando-a a recuperar sua vida e sendo ajudado a recuperar a dele também. Agora o Dexter está mais em paz consigo mesmo, reaproximou-se de Astor e Coddy, livrou-se das ameaças que o cercavam e está pronto para encarar novos problemas. Por enquanto, não sabemos o que esperar da sexta, e já confirmada, temporada. E como ficamos sem um grande gancho para nos sufocar de ansiedade, contamos com a sempre e boa vontade de continuar acompanhando novas histórias deste “serial killer” amigável e cada vez mais humano.

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s